Presidente Jair Bolsonaro durante a cerimônia de Declaração de Aspirantes a Oficial da Turma “70 anos da vitória da FEB” (Marcos Corrêa/PR)

Presidente Jair Bolsonaro durante a cerimônia de Declaração de Aspirantes a Oficial da Turma “70 anos da vitória da FEB” (Marcos Corrêa/PR)

A Polícia Federal cumpriu dois mandados de busca e apreensão em Três Corações e Alfenas, municípios no Sul de Minas Gerais, para apurar supostas ameaças publicadas em redes sociais contra o presidente Jair Bolsonaro. As ordens foram expedidas pela Justiça Federal sob argumento de crime contra a segurança nacional.

A investigação teve início na última sexta-feira, 29, após um homem ser detido por ter publicado em seu perfil nas redes sociais fotos e vídeos de suposto plano de atentado contra Bolsonaro. O presidente esteve na cidade de Três Corações no mesmo dia para participar da Solenidade de Diplomação das Turmas do Curso de Formação de Sargentos 2019.

Leia também:
Hulk” entra na briga entre Jair Bolsonaro e Leonardo DiCaprio
Leonardo DiCaprio responde acusações de Jair Bolsonaro
Mulher de Eduardo Bolsonaro diz que passa perrengue com salário de R$ 33 mil

Bolsonaro chegou ao município mineiro por volta das 10h35 e deixou a cidade às 13h30, conforme registros em sua agenda oficial.

O suspeito detido era funcionário terceirizado da Escola de Sargentos das Armas e aparecia em vídeos postados pela instituição em redes sociais. A investigação tramita em segredo de Justiça.

Fonte: OP9

Artigos relacionados
Carregar mais por redação
Carregar mais em Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Lista de falecimentos – 28/5/2020

AMALIA SIERADZKI MIRO, 101 ano(s). Data de Falecimento: quinta-feira, 28 de maio de 2020. …