Compartilhe

Facebook

Twitter

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil Política

Tivoli drive

Após o Supremo Tribunal Federal liberar a gravação da reunião ministerial realizada há um mês, no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro fez uma publicação no Facebook para reafirmar que não há, no vídeo, indício de interferência na Polícia Federal.

“Mais uma farsa desmontada; Nenhum indício de interferência na Polícia Federal”, disse o presidente em uma postagem acompanhada do vídeo da reunião.

—–TEXTO CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE——

Chic dia das maes


O presidente também voltou a usar o versículo bíblico de João 8, 32. “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”, postou.

DIVULGAÇÃO

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu hoje (22) retirar o sigilo parcial da gravação audiovisual da reunião ministerial realizada no dia 22 de abril. O ministro é relator do inquérito sobre a suposta interferência política do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal (PF). A reunião foi citada pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro durante depoimento prestado à PF, no início do mês, como suposta prova da interferência. 

Mineiro neutro

Quer divulgar sua empresa no Portal de Americana? Clique aqui e saiba mais!

Compartilhe

Facebook

Twitter

Artigos relacionados
Carregar mais por redação
Carregar mais em Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Covid-19: Brasil tem quase 500 mil casos confirmados e 28.834 mortes

Segundo Ministério da Saúde, 200.892 pacientes estão recuperados (Amanda Dias/BHAZ) Da Agê…