Um ator italiano está enfrentando uma difícil situação graças à pandemia do coronavírus, decretada nesta quarta-feira (11) pela OMS (Organização Mundial de Saúde). Luca Franzese viu sua irmã falecer graças à Covid-19 e, agora, está preso em quarentena dentro de sua casa. O problema é que ele está convivendo com o corpo da irmã, que não pode ser retirado.

Luca, conhecido por trabalhar na série de TV ‘Gomorra’, publicou um vídeo em suas contas oficiais das redes sociais e desabafou sobre a situação.

Veja também:
Tom Hanks e esposa estão com o coronavírus e são diagnosticados com a Covid-19

“Minha irmã morreu ontem, provavelmente por causa do vírus, e estou esperando respostas desde a noite passada. Estamos arruinados. A Itália nos abandonou. Vamos ficar fortes juntos. Compartilhe este vídeo em qualquer lugar”, pediu o ator, ao mostrar o corpo da irmã sem vida na cama.

Luca Franzese mora na cidade de Nápoles, na Itália. Ele está em isolamento, pois foi exposto ao vírus. Segundo ele, mais três membros de sua família já foram diagnosticados com coronavírus.

A Itália é um dos países em que a situação com o coronavírus está mais séria. São mais de 10.500 casos confirmados no país, de acordo com o Ministério da Saúde. O número de mortos já ultrapassa os 820. Mais de 5.800 pessoas estão internadas com sintomas da doença.

Cerca de 3.700 pessoas foram diagnosticadas com coronavírus, mas estão tendo sintomas leves e permanecem em isolamento doméstico. Eventos esportivos, aulas em escolas e universidades e atividades culturais foram cancelados no país, que segue em quarentena.

Veja o vídeo publicado por Luca Franzese:

Veja também:
Atleta da NBA que debochou do coronavírus é diagnosticado com a Covid-19

Fonte: Feed Club

Artigos relacionados
Carregar mais por redação
Carregar mais em Bizarro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Guarulhos passa de 3 mil casos confirmados de Covid-19; mortes são 293

Nesta segunda-feira (1º) Guarulhos contabiliza 3.056 casos confirmados de Covid-19, além d…